HomeDestinosParis: o que fazer no 1º arrondissement

Paris: o que fazer no 1º arrondissement

Paris: o que fazer no 1º arrondissement

Histórica e heróica, o bairro da 1º arrondissement é endereço dos mais famosos museus de Paris, contando com o Louvre e muito mais…

Por Cristiane Sinatura

A área mais central de Paris concentra um punhado generoso de museus na margem direita do Sena – sendo o Louvre o mais imponente e importante de todos eles.

 

Museu L’Orangerie

O Palácio das Tulherias, antes localizado nos jardins de mesmo nome, foi destruído pela Comuna de Paris em um incêndio em 1871 – a única coisa que sobreviveu foi a estufa das laranjeiras. Ela foi então transformada em um museu impressionista, que tem como grande  estaque oito painéis estampando as famosas ninfeias de Monet. Veja também Matisse, Gauguin, Cézanne, Renoir e Picasso.

 

Museu L’Orangerie

Museu L’Orangerie (foto: shutterstock)

 

Museu do Louvre

O maior museu do mundo, que já foi fortaleza e residência real, é conhecido principalmente como a casa da Mona Lisa. Mas além da obra-prima de Leonardo da Vinci, tem itens desde a Antiguidade até o século 19, incluindo a Vênus de Milo, uma bela seção egípcia, uma ala mais recente dedicada ao mundo islâmico e os impressionantes apartamentos de Napoleão III. No subsolo fica o Carrousel du Louvre, shopping com lojas como Printemps e Apple.

Dica de ouro: complemente sua visita ao Louvre com um passeio ou um piquenique no Jardim das Tulherias, logo em frente. O parque margeia o Sena com fontes, bulevares arborizados, carrossel e esculturas.

Para um giro detalhado pelo Louvre e seus destaques, acesse aqui o guia completo sobre o museu!

 

Museu do Louvre (foto: shutterstock)

 

Forum des Halles

A área que até os anos 1970 abrigava o “mercadão” de Paris acaba de ganhar uma bela modernizada, que trouxe arquitetura arrojada ao shopping subterrâneo onde há marcas como Zara, H&M, Mango e Sephora. O Jardim Nelson Mandela, em frente, também passou por obras. Vale conhecer as vias ao redor, agora tomadas por restaurantes de mesas ao ar livre, como as ruas Montorgueil e Coquillière.

 

Forum des Halles

Forum des Halles (foto: shutterstock)

 

ESTIQUE

Palácio Garnier

O belíssimo teatro onde se passa a história do Fantasma da Ópera foi erguido a partir de 1860. Hoje, além de sediar espetáculos de música clássica e balé, a casa abre para visitação e tem um museu de cenografia e peças de arte. A 1,5 km do Louvre (no 9º arr).

 

Palácio Garnier

Palácio Garnier (foto: shutterstock)

 

Galerias Lafayette

Pertinho da ópera, a loja de departamentos mais famosa da França tem uma tentadora seção gourmet e restaurantes bacanas (são 20 opções, como a casa de chá Angelina). Suba até o terraço no último andar para mais uma vista arrebatadora.

 

Galerias Lafayette

Galerias Lafayette (foto: shutterstock)

 

Continue lendo sobre os bairros de Paris:

Marais: o bairro do Museu do Picasso, Catedral de Notre-Dame e o Canal Saint-Martin 

Montmartre: um pouco de fé com a Basílica Sacré-Coeur e diversão com o Moulin Rouge

7º Arrondissement: o bairro dos museus,Museu do Quai Branly, Rodin e D’Orsay

Quartier Latin: Panteão, Rua Mouffetard, Instituto Mundo Árabe e dois museus imperdíveis

8º Arrondissement: o bairro da Torre Eiffel, Arco do Triunfo, Champs-Elysees

 

Leia mais sobre Paris:

9 museus imperdíveis para conhecer em Paris

8 city tours para fazer de graça no mundo: Lisboa, Roma, Paris e mais…

Como alugar bicicleta em Londres, NY, Paris e Berlim

 

 

Saiba onde se hospedar em Paris

Novotel Les Halles
Na região do Louvre, este quatro estrelas tem 285 quartos de padrão executivo com decoração moderna.

Le Burgundy
Hotel design cinco estrelas perto do Jardim das Tulherias, tem 59 quartos de pelo menos 24 m2. Seu restaurante Baudelaire leva uma estrela Michelin.

Veja outras opções de hospedagem em Paris aqui!

 

 

 

Compartilhar: