HomeDestinosParis: um guia do que fazer bairro a bairro

Paris: um guia do que fazer bairro a bairro

Paris: um guia do que fazer bairro a bairro

Separamos os destaques das principais regiões turísticas de Paris para você ir dando check enquanto flana pela cidade

Por Cristiane Sinatura

Você provavelmente não precisa de ninguém explicando quais são os cartões-postais de Paris – eles são tão onipresentes que todo mundo já sabe pelo menos um pouquinho. Mas justamente por ter tantos clássicos para visitar (especialmente se for a primeira vez), é fácil, fácil passar batido por alguma coisa.

Pois bem, o primeiro passo para explorar Paris é entender sua configuração: a cidade é organizada de forma espiral em 20 arrondissements numerados, que são como distritos, cada um com seus bairros (para se localizar, basta saber que o número final do CEP corresponde ao distrito – assim, o código postal 75007 que acompanha o endereço diz respeito ao 7º arrondissement, por exemplo). Outro fator que ajuda a se situar é a posição em relação ao rio – tal lugar fica na margem direita ou esquerda do Sena.

Na prática, cada itinerário pode corresponder a um dia, dependendo da sua disposição (você não precisa, obviamente, visitar três museus de uma vez só).

Conheça os bairros de Paris

Marais: o bairro do Museu do Picasso, Catedral de Notre-Dame e o Canal Saint-Martin 

Montmartre: um pouco de fé com a Basílica Sacré-Coeur e diversão com o Moulin Rouge

7º Arrondissement: o bairro dos museus,Museu do Quai Branly, Rodin e D’Orsay

1º Arrondissement: arredor do Louvre, Palácio Garnier e o Museu L’Orangerie 

Quartier Latin: Panteão, Rua Mouffetard, Instituto Mundo Árabe e dois museus imperdíveis

8º Arrondissement: o bairro da Torre Eiffel, Arco do Triunfo, Champs-Elysees

 

Leia mais sobre Paris

9 museus imperdíveis para conhecer em Paris

Como visitar o Museu do Louvre, em Paris

8 city tours para fazer de graça no mundo: Lisboa, Roma, Paris e mais…

Como alugar bicicleta em Londres, NY, Paris e Berlim

O que fazer de graça em Paris 

Como economizar em Paris

Compartilhar: