fbpx
  • Seu carrinho está vazio.
HomeGiro pelo MundoAéreoComo acessar a Sala VIP dos aeroportos

Como acessar a Sala VIP dos aeroportos

Como acessar a Sala VIP dos aeroportos

Antes destinados à primeira classe e à executiva, os lounges nos aeroportos agora também podem ser acessados por passageiros da econômica

Por Tarcila Ferro

Você sabia que a Viajar tem grupos gratuitos no WhatsApp e Telegram com dicas, serviços e muitas promoções de destinos no Brasil e no Mundo?
Faça parte desse grupo e comece a planejar a sua próxima viagem!

Entrar no grupo Telegram! Entrar no grupo WhatsApp!

Ninguém gosta de levar um chá de cadeira, quem dirá um chá de saguão. Mas é o amargo chá da espera que geralmente o viajante toma no lobby desconfortável dos aeroportos. Mas imagina se você tivesse a oportunidade de aguardar o seu embarque em um espaço privativo com sofás confortáveis, televisão, wi-fi potente, tomando uma cerveja ou um café e beliscando alguns lanchinhos? Pois bem, essa é a realidade dos viajantes que têm acesso a uma Sala Vip nos aeroportos nacionais e internacionais.

Hoje, estima-se que haja em torno de 2 mil salas VIP no mundo inteiro. No Brasil, são cerca de 50 salas. Os espaços variam de tamanho, mas sempre oferecem sofás e poltronas, televisores, mesas, alimentos e bebidas gratuitos (inclusive alcoólicas, na maioria das vezes). Além disso, a qualidade do serviço também varia: de água até champanhe francês, de pão de queijo a pratos à la carte preparados na hora.

“Muita gente ainda acha que a entrada na sala VIP é restrita para quem viaja nas classes executiva e primeira, mas não é, mesmo turistas de classe econômica podem conseguir acesso por outros caminhos”, explica Gabriel Dias, editor-chefe do site Falando de Viagem, que já conheceu mais de 300 salas ao redor do mundo. Dias explica que, além da classe do voo, o viajante tem outras duas opções. “Ele pode ter um cartão de crédito que traga como benefício o uso dos espaços ou ser membro elite em um dos programas de fidelidade”.

Gabriel Dias no Lounge da Star Alliance

Lounge da Star Alliance (foto: Gabriel Dias)

Formas de entrada

Pessoas que viajam nas classes premium, primeira e executiva, têm direto às salas VIP. As passagens aéreas nessas categorias têm valores altos e as empresas querem que a experiência seja excelente em solo e no ar, assim oferecem espaços próprios ou salas parceiras. Logo após o check-in, a companhia informa sobre a sala VIP conveniada e basta mostrar o cartão de embarque para ter a entrada liberada. Em alguns, o passageiro ganha por trechos voados, bem como a opção de entrar em um dos planos de assinatura e pagar mensalidade para conseguir milhas, acesso a sala vip e outros benefícios. Quanto às alianças aéreas, ganha direito de uso quem for membro Gold da Star Alliance; Sapphire ou Emerald da Oneworld; ou Elite Plus da SkyTeam.

Priority Pass, LoungeKey e DragonPass

Tanto a Star Alliance como a Oneworld e a SkyTeam são conveniadas juntos às empresas que administram as salas VIP nos aeroportos. Basicamente, há três formas de acesso: Priority Pass, LoungeKey e DragonPass. Em primeiro lugar, a Priority Pass (PP) é a líder mundial, com mais de 1.300 lounges ao redor do mundo, incluindo o Brasil. Os membros podem usar as salas por meio do cartão de crédito, que cede o acesso como benefício (apenas três cartões brasileiros oferecem). Também existe a possibilidade de usar um dos lounges da PP fazendo um plano de assinatura. Na opção mais simples, pagam-se US$99 por ano, mais US$32 por cada acesso.

Em seguida, da mesma empresa, a LoungeKey não aceita adesão individual. Entretanto, tem parceria com vários cartões de crédito que isentam os associados da assinatura. É o banco emissor do cartão que define quantos acessos você terá – alguns dão entradas ilimitadas, outros cobram. De acordo com Gabriel, “a forma mais comum de acesso às salas VIP é usando o LoungeKey, presente como benefício nas variantes de cartões de crédito Visa Infinite, Mastercard Black, Elo Nanquime Elo Diners Club”. Já a DragonPass, por fim, é o concorrente chinês de ambas e todos os acessos são pagos. Custa US$27 por pessoa. Dica importante: os acessos, quando cobrados em dólares americanos, haverá cobrança de IOF no valor de 6,38%. A cotação é do dia do uso.

Sala VIP em Dubai

Emirates Lounge (foto: Gabriel Dias)

A origem dos VIPs

O primeiro lounge VIP do mundo foi o Admirals Club, da American Airlines, aberto em 1939 no Aeroporto de LaGuardia, em Nova York. A iniciativa veio de Cyrus Rowlett Smith, CEO da American Airlines, como uma ferramenta promocional de divulgação da companhia aérea.

Os melhores cartões de crédito para ter acesso às salas VIP

Confira uma seleção de cartões de crédito emitidos no Brasil que oferecem boas opções de salas VIP. É importante dizer que trata-se de uma lista, não um ranking.

1) American Express – The Platinum Card

2) Banco Inter Mastercard Black

3) Bradesco Elo Diners Club

4) Porto Seguro Mastercard Black

5) Porto Seguro Visa Infinite

6) Santander Unlimited Mastercard Black

7) Santander Unlimited Visa Infinite

8) Sicoobcard Merit Mastercard Black

9) Sicredi Mastercard Black

10) Unicred Mastercard Black

11) Uniprime Mastercard Black

12) BRBCARD DUX Visa Infinite

13) Cartão de crédito Banco do Brasil Altus VisaInfinite

14) Bradesco Prime Aeternum Visa Infinite

Aeroporto em Guarulhos

Bradesco Lounge (foto: Tarcila Ferro)

Quer saber tudo sobre SALA VIP?

Em parceria com o site Falando de Viagem, a Viajar pelo Mundo criou o e-book SALAS VIP: sua viagem mais confortável! O material traz informações aprofundadas sobre as salas, seus benefícios, localização e serviços. Gabriel Dias, fundador do site e entusiasta do mundo das milhas e dos lounges de aeroporto, é quem escreve o e-book. Ele já conheceu de mais de 300 salas ao redor do mundo. Com este e-book você vai aprender como ter acesso aos lounges sem pagar nada! Aproveite o preço promocional de R$ 9,90: https://fdv.im/ebooksalavip

Que tal saber tudo sobre o seu próximo destino de férias e ainda planejar a sua viagem fugindo das roubadas? Então aproveite nosso app com preços especiais. É conteúdo sério, produzido por especialistas, por um valor mais barato que um café em Paris. Confira!

 

Leia também:

Saiba como usar as salas VIP dos aeroportos

Como é voar na classe executiva da Air France

Como fazer um seguro viagem: tire suas dúvidas

3 dicas para comprar passagens aéreas mais baratas

Que tal transformar o seu cartão de crédito em uma verdadeira fábrica de milhas?
Se você gasta pelo menos R$ 3.000,00 por mês no cartão de crédito e não consegue emitir um bilhete por ano para os EUA com as suas milhas acumuladas, acredite, você não sabe usar o cartão de crédito a seu favor.
Quero te convidar a se tornar especialista no assunto. Aprenda a viajar de graça, entrar em salas vips ao redor do mundo sem pagar nada e fabricar milhas com o nosso time de especialistas. Chegou a hora de você virar o jogo e parar de dar dinheiro aos bancos.

Saiba como viajar de graça e sem enrolação!
Tags