fbpx
HomeDestinosAmérica do SulUm final de semana em Brotas: veja as dicas

Um final de semana em Brotas: veja as dicas

Um final de semana em Brotas: veja as dicas

Conhecida pelo rafting, a cidade de Brotas, a 240 quilômetros de São Paulo, empolga com outras atrações além do seu circuito de corredeiras

Por Tarcila Ferro

Rafting em Brotas

Brotas entrou no radar do turismo nacional quando as quedas do Rio Jacaré-Pepira passaram a empolgar cada vez mais a turma ávida por descer o rio em botes infláveis.

Em pouco tempo, o rafting virou o esporte local e Brotas virou, enfim, referência em ecoturismo. Junto com a fama brotaram diversas empresas especializadas na atividade e hotéis e pousadas ofertando atividades de aventura.

Mas isso não quer dizer que os dias por lá são apenas dentro d’água. Afinal, caminhadas, cavalgadas, arvorismo, tirolesa, quadriciclo e cerca de 20 cachoeiras ajudam a preencher a agenda. Boa parte dessas atrações, aliás, estão reunidas nos ecoparques – espaços privados que rendem um dia inteiro de diversão junto a natureza.

Se você vai de São Paulo a Brotas, a melhor alternativa é alugar um carro. Então clique aqui e alugue o seu, pagando no boleto ou em até 12 vezes

Veja aqui 5 dicas para alugar seu carro de forma segura 

Boiacross

Boiacross (foto: Tarcila Ferro)

 

Trilhas e cachoeiras

Um desses endereços é o Recanto das Cachoeiras. Portanto, vale chegar cedo para cair na trilha de dois quilômetros recortada por cascatas e mirantes.

O caminho é bem demarcado, com calçamento de pedra e corrimão em vários pontos. Depois de 1.200 metros de andança surge a Cachoeira Roseira, com sua majestosa queda de 55 metros.

Porém, deixe para banhar-se na cachoeira seguinte e aproveite a beleza da Roseira para tirar muitas fotos encaixando o paredão rochoso e a água caindo. Mais selfies estão garantidas pouco à frente, na ponte de madeira suspensa sobre a mata.

Leia também: Como fazer boas fotos de viagem no celular

Fica a dica: as empresas parceiras do nosso site (Booking, RentCars, Seguros Promo, RCA, entre outras), acessadas através de links em nossos textos, oferecem um ambiente seguro e sigiloso para suas compras. Saiba mais

Cachoeira da Roseira

Cachoeira da Roseira (foto: Tarcila Ferro)

Dali, a trilha segue por mais 800 metros de sobe e desce até a Cachoeira Santo Antônio, com 20 metros de altura. Ou seja, para quem não dispensa um banho revigorante de água gelada, ali é o lugar.

Trilha feita e banho tomado, o restante do dia no parque pode ser curtindo a bacanérrima piscina de borda infinita (a água é climatizada) com bar molhado, hidromassagem ao ar livre e o plus de oferecer paisagens lindíssimas do vale de Brotas.

Piscina de borda infinita do Recanto das Cachoeiras

Piscina de borda infinita do Recanto das Cachoeiras (foto: Tarcila Ferro)

 

Contato com os animais 

O redário ao lado da piscina também chama para o descanso. Uma minifazendinha com galinhas, patos e ovelhas irá, certamente, entreter as crianças, que também gastam uns minutinhos no playqround. Todas essas atividades estão incluídas no ingresso de acesso ao Recanto das Cachoeiras.

Paga à parte, a Cavalgada da Furna percorre um circuito de duas horas e meia pela Serra de Brotas, com direito a cruzar o Rio Jacaré e fazer uma parada na Cachoeira das Lebres.

As crianças se divertem na Fazendinha

As crianças se divertem na Fazendinha (foto: Tarcila Ferro)

Outras atividades do Recanto, enfim, ficam por conta da tirolesa de 250 metros que dá de cara com a Cachoeira da Roseira e o circuito de arvorismo com 13 estágios, entre travessia de corda, jogos de rede vertical e horizontal, entre outros desafios. Ou seja, atividades não faltam.

Bem divertido, apesar do preço salgado (R$ 320 para duas pessoas), o passeio de quadriciclo segue por terrenos de lama e mato com paradas na Cachoeira do Tamanduá. Mesmo parecendo mais radical, é bem tranquilo de fazer com crianças.

Trilha para a Cachoeira dos Quatis

Trilha para a Cachoeira dos Quatis (foto: Tarcila Ferro)

Na mesma linha, o EcoParque Cassorova empolga com a cachoeira que carrega o mesmo nome e soma 60 metros de altura (não à toa, é considerada uma das mais bonitas do estado) e a dos Quatis, com 46 metros.

Já no Parque Viva Brotas, a 15 minutos do centro, a grande atração é a superbike, uma bicicleta adaptada presa por cabos de aço a 70 metros de altura, que percorre um trajeto de 300 metros de extensão.

Super bike do Ecoparque Viva Brotas

Super bike do Ecoparque Viva Brotas (foto: Tarcila Ferro)

 

Sabores de Brotas

Além de ser um destino de aventura, Brotas tem trilhado um bom caminho para fisgar os visitantes também pelo estômago. Afinal, há sete anos sedia o festival Brotas Gourmet, que agita os bares e restaurantes da região (de 15 a 18 de agosto) com criações cheias de personalidade. Já a pegada do Broteco é agitar a cidade durante o mês de junho com comidinhas de boteco.

Fora os eventos, a cidade capricha no tempero e oferece boas opções para comer – seja nos restaurantes dos parques ecológicos (o Recanto das Cachoeiras, o Cassorova e o Viva Brotas montam um bufezão com foco na comida da fazenda) como em outros endereços espalhados pela cidade.

Por fim, para caprichar no jantar, aposte na atmosfera alto-astral e nas porções bem servidas do Brotas Bar. Trata-se de um bar com temática de rafting e canoismo e tem um menu que surpreende – entre os carros-chefes estão, por exemplo, o prime rib de Angus com batatas rústicas e alecrim e o carré de cordeiro ao molho de vinho tinto. As crianças, por sua vez, podem apostar no cardápio kids e na brinquedoteca para se entreterem enquanto os pais comem.

Prato do Brotas Bar

Prato do Brotas Bar (foto: Tarcila Ferro)

Outra boa pedida, enfim, é esticar até o Fatto de Buffala, dica saborosa para quem está a fim de comida italiana. O forte da casa, como o nome indica, são as massas e os risotos recheados com muçarela de búfala. Por outro lado, para tacos, tortilhas e outros pratos com viés mexicano e texano, a sugestão é ir até o Guadalupe.

Produtos locais e cachaçaria

Esses restaurantes ficam no centrinho da cidade, na Rua Mario Pinotti, endereço também da Adega Casarão. Aberta em um prédio centenário restaurado onde também funciona o hotel Casarão, o espaço é, sem dúvida, uma parada interessante para comprar pimentas, geleias, compotas, cafés, queijos, mel, licores, cachaças, doces vindos de Minas Gerais e artesanato.

Então, aproveite para visitar a cachaçaria que fica no subsolo e espie os robustos tonéis de carvalho utilizados para envelhecer a bebida. E não vá embora sem bebericar uma branquinha e bater um papo com o dono da loja, Fred Cardoso, que adora contar sobre a história da cachaçaria e se enche de orgulho ao falar sobre Brotas.

 

Para descansar

Com atmosfera romântica e bom custo-benefício, a Pousada das Nascentes é destinada para casais em busca de sossego e economia. Ao todo, são 18 suítes amplas com decorações individuais que remetem da África à Amazônia, sendo que 14 contam com hidromassagem e quatro com banheiras de cromoterapia.

Os quartos são voltados para a piscina e para o jardim e todos contam com ar-condicionado, frigobar, TV e DVD. Além disso, uma sala de massagem dá umas doses extras de relax ao casal. Ou seja, os momentos de descanso estão garantidos.

A internet é gratuita e os pets são bem-vindos. Há, também, pacotes especiais para casais em lua de mel. A pousada fica cerca de 20 quilômetros do centro de Brotas, perto de boa parte das cachoeiras.

Quer facilitar seus trajetos em Brotas? Então alugue um carro. Melhor ainda, você pode pagar no boleto ou parcelado em até 12 vezes. Clique aqui e confira!

Tem dúvidas sobre como alugar um carro? Confira aqui o passo a passo

Diárias para casal a partir de R$ 350, com café da manhã. Av. Antonio Mariano do Prado, 260, Patrimônio de São Sebastião da Serra, pousadadasnascentes.com.br

Quarto da Pousada das Nascentes

Quarto da Pousada das Nascentes (foto: divulgação)

Outra boa dica de hospedagem é o Hotel Boutique Frangipani, rodeado de natureza. Localizado na região do Caminho das Cachoeiras, ele é exclusivo para casais e os quartos oferecem vista do vale, além de wi-fi gratuito, ar-condicionado, mesa de trabalho, frigobar, telefone e TV de tela plana a cabo. Reserve aqui.

Por fim, há também a Villa Maria Pousada de Charme, bastante elogiada no Booking por pessoas que viajam sozinhas. Suas acomodações contam com wi-fi gratuito, ar-condicionado, TV de tela plana e fogão, além de banheiro privativo com chuveiro. Reserve aqui.

 

Ainda não achou seu hotel? Então clique aqui e veja mais opções de hospedagem em Brotas!

 

 

Para auxiliar em sua viagem e na rápida consulta, separamos um e-book completo deste conteúdo para você baixar em seu celular e levar em sua viagem. Preencha o campo abaixo com seu e-mail e baixe, gratuitamente, o nosso e-book!

 

Serviço

Passear

Recanto das Cachoeiras – Ingressos a partir de R$ 70 (adultos) e R$ 35 (crianças). Os bilhetes podem ser comprados pela internet. Porém, a bilheteria do parque não aceita cartões. Estrada do Patrimônio, s/nº, recantodascachoeirasbrotas.com.br.

Viva Brotas – As atividades são vendidas separadamente e custam a partir de R$ 29. Rodovia BRO 50, vivabrotas.com.br

Ecoparque Cassorova – Ingressos a partir de R$ 70. Zona Rural, s/nº. cachoeiracassorova.com.br

Rafting

Ayala Rafting com tirolesa, cachoeira e almoço por R$ 174 por pessoa. Av. Mario Pinotti, 230, ayala.com.br

Território Selvagem Canoar Rafting com tirolesa, cachoeira e almoço por R$ 169. Av. Mario Pinotti, 337, territorioselvagem.com.br

Comer

Brotas Bar Bons pratos em ambiente temático de rafting e canoísmo. Av. Mário Pinotti, 267, brotasbar.com.br. $$

Fatto di Bufala Comida italiana com foco em massas e risotos à base de muçarela de búfala. Av. Mário Pinotti, 819-A. $$

Guadalupe Comida tex-mex. Av. Mario Pinotti, 317, facebook/guadaluperestaurante. $$

Refrescar-se em cachoeiras

São mais de 20 cachoeiras abertas à visitação. Elas ficam no Rio Jacaré-Pepira, no lago da Represa do Patrimônio, nas piscinas dos ecoparques abertos para day-use e na famosa nascente Areia que Canta, onde é possível acompanhar a água do Aquífero Guarani brotar do solo, jogando para cima pequenos grãos de areia muito brancos.

 

Leia também:

Brotas Eco Resort tem 1ª piscina com projeção mapeada do Brasil

Visite um templo japonês no interior de SP

Cunha (SP): escapada perfeita para um final de semana

Olímpia: parques e águas termais no interior de SP

Tags