fbpx
HomeNotíciasMSC Cruzeiros inicia retomada de operações no Mediterrâneo

MSC Cruzeiros inicia retomada de operações no Mediterrâneo

MSC Cruzeiros inicia retomada de operações no Mediterrâneo

A princípio, a retomada das operações será feita pelos navios MSC Grandiosa, a partir de 16 de agosto, e MSC Magnifica, a partir do dia 29

Por Redação

MSC Grandiosa

A MSC Cruzeiros anunciou a retomada de suas operações neste mês. Sendo assim, os navios MSC Grandiosa e MSC Magnifica voltarão a navegar pelo Mediterrâneo a partir de 16 e 29 de agosto deste ano, respectivamente. As embarcações serão as primeiras a implementar um novo protocolo abrangente de saúde e segurança, aprovado pelas autoridades dos países em que os navios farão escalas.

“Os novos procedimentos incluem testes de COVID-19 para todos os hóspedes e tripulantes antes do embarque, além de visitas em terra protegidas e feitas apenas por meio de excursões da MSC Cruzeiros. Por fim, haverá a introdução de um Plano de Proteção à COVID, que transmitirá mais tranquilidade aos hóspedes. Com todas essas medidas em vigor, pretendemos oferecer a eles as férias mais seguras possíveis”, afirma o presidente executivo da MSC Cruzeiros, Pierfrancesco Vago.

 

Medidas de segurança rigorosas

O executivo também conta que, durante a paralisação das operações, a MSC deu ênfase ao desenvolvimento de um protocolo operacional abrangente que se baseia nas medidas de saúde e segurança já rigorosas que há muito tempo estão em vigor a bordo dos navios.

“Trabalhamos em estreita colaboração com as autoridades de saúde da União Europeia e dos países onde os navios farão escalas. Sendo assim, o objetivo é desenvolver procedimentos para proteger a saúde de todos os passageiros a bordo e também em terra, garantindo que as comunidades locais se sintam à vontade para receber nossos hóspedes”, ressalta o executivo.

Além disso, a RINA, empresa independente de certificação marítima, verificou que o protocolo atende às orientações da Agência Europeia de Segurança Marítima (EMSA).

 

Retomada das operações

Para esta fase inicial da retomada das operações, os dois navios da MSC Cruzeiros receberão inicialmente apenas hóspedes residentes nos países do Espaço Schengen. Além disso, seus itinerários foram projetados de acordo com a acessibilidade dos portos, reduzindo, sempre que possível, a necessidade de os hóspedes usarem transportes públicos ou voos.

O MSC Grandiosa, por exemplo, oferecerá cruzeiros de sete noites no Mediterrâneo Ocidental, com escalas nos portos italianos de Gênova, Civitavecchia/Roma, Nápoles, Palermo e Valeta, em Malta. Já o MSC Magnifica fará cruzeiros de sete noites no Mediterrâneo Oriental, partindo dos portos italianos de Bari e Trieste, com escala nos portos gregos de Corfu, Katakolon e Pireu.

A MSC está acompanhando a evolução da pandemia, tornando possível, assim, a introdução gradual de outros navios durante este período de verão no hemisfério norte.

 

Cancelamentos e restrições

A MSC cancelou todos os outros cruzeiros no Mediterrâneo de 16 de agosto até 31 de outubro. Os hóspedes residentes em países do Espaço Schengen, não sujeitos a restrições impostas pelas autoridades italianas e com reservas em qualquer itinerário da MSC Cruzeiros até 31 de outubro, podem transferir sua reserva para o MSC Grandiosa ou para o MSC Magnifica. Eles também terão direito a até três excursões em terra inclusas, dependendo da categoria que reservaram. Como alternativa, receberão um Crédito para Cruzeiro Futuro (FCC), que pode ser usado em qualquer navio da MSC Cruzeiros até dezembro de 2021.

Além disso, outros hóspedes que residem em países do Espaço Schengen, não sujeitos a restrições impostas pelas autoridades italianas, e que já possuem uma Carta de Crédito para Cruzeiro Futuro de cruzeiros cancelados anteriormente, também podem usá-la nesses dois navios, com até três excursões em terra inclusas.

Por fim, os hóspedes não residentes nos países do Espaço Schengen serão automaticamente elegíveis a um Crédito para Cruzeiro Futuro (FCC). Ele poderá ser usado para transferir a reserva, sem nenhum custo, para qualquer navio, em qualquer itinerário da MSC com saída até dezembro de 2021.

A MSC também anunciou o cancelamento de todos os cruzeiros partindo dos Estados Unidos até 31 de outubro. Isso está de acordo com o anúncio de que os membros da CLIA estenderão voluntariamente a paralisação das operações de cruzeiros até essa data. Por fim, a MSC Cruzeiros também cancelou os cruzeiros no Extremo Oriente de 10 de setembro até 26 de outubro.

 

Leia também:

Conheça o cruzeiro de volta ao mundo da MSC