fbpx
HomeDestinosRoteiro de 3 dias em Mônaco: veja o que fazer

Roteiro de 3 dias em Mônaco: veja o que fazer

Roteiro de 3 dias em Mônaco: veja o que fazer

Belos jardins, palácios luxuosos, cassinos e boa gastronomia. Confira todas as dicas de passeios para fazer em Mônaco

Cidade velha e Palácio do Príncipe

O tempo mínimo para vivenciar experiências em Mônaco é de três noites, e este roteiro contempla três dias mágicos.

Comece de manhã com um passeio pela Praça do Cassino, onde os jardins encantam a vista. Explore os caminhos de flores em frente ao Casino de Monte-Carlo, no lugar público e gratuito.

Siga com um café da manhã por ali mesmo, no Café de Paris, sem pressa. Uma taça de espumante no terraço do lendário café ajuda a mergulhar no clima, afinal, você está em Mônaco, um dos países mais glamorosos do mundo.

 

Visitando o Casino de Monte-Carlo

A poucos passos está o cassino. Aproveite o momento após o café para conhecê-lo por dentro, já que a visitação acontece das 10h às 13h. Após as 14h, só entram jogadores.

Ao sair do Casino de Monte-Carlo, siga para um almoço no Hôtel de Paris. Mas faça reserva. Há três restaurantes fantásticos à escolha no hotel, sendo dois do chef estrelado Alain Ducasse, um deles com três estrelas Michelin.

Após o almoço, caminhe uma quadra para um café no One Monte-Carlo, o mais novo shopping, espaço cultural e de business de Mônaco. Ou seja, as grifes mais elegantes do planeta estão lá, com vitrines criativas que ostentam obras de arte. Além disso, há uma galeria com eventos culturais durante o ano todo, então passe para espiar.

Casino de Monte-Carlo

Casino de Monte-Carlo (foto: shutterstock)

 

Pedalando por Mônaco e boas opções gastronômicas 

No final de tarde, pedale por Mônaco, mas sem se cansar, com as bicicletas elétricas. Há pontos para pegar e devolver, espalhados pelo principados. Aproveite, também, para passar pelo Yacht Club para checar os iates milionários e a YCM Gallery, com boutiques de luxo. Depois, devolva a bike em um ponto próximo do seu hotel.

Antes do jantar, passe para um drink no American Bar, que costuma ter jazz ao vivo. É, aliás, um bom momento para provar um sabor exclusivo do principado, o drink Monaco Spritz, preparado com o licor L’Orangerie, prosecco e raspas de laranja.

Caminhe do American Bar para um jantar badalado no Buddha Bar-Monte-Carlo. A caminhada é a chance de ver o famoso cassino e o Hôtel de Paris durante a noite. Os prédios majestosos têm iluminação simplesmente impecável. Então, prepare a câmera do celular.

A poucos passos estará no Buddha Bar, de cozinha asiática. Outra opção do drink para abrir o apetite está na área do bar, uma vez que os profissionais locais são treinados com mixologistas de excelência, sempre aos olhos do Buda gigante, instalado no meio do lugar com 7 metros de pé-direito. Faça reserva.

Iates luxuosos em Mônaco

Iates luxuosos em Mônaco (foto: shutterstock)

Segundo dia em Mônaco

Alugue um carro elétrico Mobee para circular por Mônaco e chegue cedinho ao mercadão, Le Marché de la Condamine, aberto das 7h às 15h. A vida cotidiana dos monegascos passa por esse marcha de 1880. Sendo assim, flores coloridas e produtos frescos fazem parte das compras diárias dos locais.

Deixe o carro estacionado e siga caminhando para o ateliê L’Orangerie, cujo licor de mesmo nome só é produzido em Mônaco. Laranjas azedas típicas do país rendem um licor delicioso, orgânico e artesanal. Portanto, a garrafa é um superpresente.

Ruas de Mônaco

Ruas de Mônaco (foto: shutterstock)

Se estiver na época em que fica aberto para visitação, aproveite para conhecer o palácio principesco, onde a família real de Mônaco mora. Mas neste caso, pegue o carro, pois apesar de estar perto, fica no alto do penhasco. Ou vá de ônibus, há vários públicos que passam pela região.

Depois do palácio, passeie de carro por Mônaco, passe pelas curvas famosas da F1 e siga para a praia, no bairro de Larvotto. Lá do lado está o Monte-Carlo Beach Hotel. Se não estiver hospedado, compre pacote de day use, que pode incluir piscina, serviço de praia, esportes aquáticos e até passeio de barco pelo Mediterrâneo.

Aproveite para almoçar no Elsa, dentro do hotel, o primeiro restaurante orgânico do mundo a ganhar uma estrela Michelin.

Palácio do Príncipe de Mônaco

Palácio do Príncipe de Mônaco (foto: shutterstock)

 

Hora do relax

À tarde, depois de esportes e praia, foque no relaxamento. Mônaco tem alguns dos spas mais exclusivos do mundo, como, por exemplo, o Thermes Marins Monte-Carlo. Uma vez lá, opte por massagens com produtos da grife suíça La Prairie e experimente crioterapia, tratamento em câmeras congelantes, sendo uma delas a -110◦C, onde o visitante fica quase pelado por três (longos) minutos. Isso melhora todo o funcionamento do corpo. E não se esqueça: os tratamentos devem ser agendados.

Depois da massagem, faça uma caminhada leve pelo roseiral dedicado à princesa Grace Kelly, com mais de 4 mil flores.

Roseiral Grace Kelly

Roseiral Grace Kelly (foto: shutterstock)

Por fim, no jantar, dois lugares dão o clima do Principado. Famílias com filhos divertem-se no delicioso Stars’N’Bars, que conta com opção de cardápio infantil cheio de delícias orgânicas, como o hambúrguer orgânico.

Adultos podem apostar na cozinha aromática do indiano descolado Maya Jah. Drinks especialíssimo, feitos com flores e ervas, acompanham o programa. Vale colocar sapato fechado e até salto alto nesse restaurante.

 

Terceiro dia em Mônaco

Seu café da manhã será com croissants frescos no melhor estilo francês do bistrô Saphir24, dentro do hotel Fairmont. De outubro a abril, todas as semanas há um Sunday Jazz Brunch para a família toda.

Após o café, vá ao Museu Oceanográfico. O passeio pelas descobertas dos oceanos e aquário dura no mínimo duas horas. De lá, pegue um trenzinho nas cores do principado para um City tour por Mônaco. Neste momento, a geografia do país já estará na sua cabeça.

Museu Oceanográfico de Mônaco

Museu Oceanográfico de Mônaco (foto: shutterstock)

Almoce em um dos restaurantes mediterrâneos e de frutos do mar, sempre orgânicos do principado. São clássicos. Além disso, vários têm opções vegetarianas e veganas também.

De tarde, visite o jardim exótico. No alto de um penhasco, caminhos ladeados por cactos e suculentas gigantes revezam com mirantes com vistas incríveis. De tarde, a luz do sol está melhor posicionada para fotos. Então, aproveite para conhecer o Museu de Antropologia Pré-Histórica e fazer a visita à gruta com vestígios de homens pré-históricos.

Uma opção ao jardim é a visita ao museu de carros antigos do príncipe. A coleção impressionante tem modelos raríssimos. Há, por exemplo, máquinas da F1 dos anos 50, quando a corrida começou.

 

Happy hour animado

O happy hour acontece na cervejaria local Brasserie de Mônaco, que usa ingredientes orgânicos para produzir cervejas únicas. Enfim, para fechar a viagem especial, emende um jantar em um restaurante com estrela Michelin, escolha entre as opções gastronômicas neste guia.

Os viajantes animados, por sua vez, podem terminar a noite em um dos night clubs mais disputados da Europa, o Jimmy’z. Top models e a alta classe europeia costumam frequentar o lugar, símbolo de luxo descolado em Mônaco. Ou seja, a viagem vai terminar em alto estilo.

Museu de carros antigos do príncipe de Mônaco

Vale a pena visitar o museu de carros antigos do príncipe (foto: shutterstock)

 

 

Leia também:

Os 5 jardins mais bonitos de Mônaco

Mônaco por Camila Coutinho

Confira os principais eventos esportivos de Mônaco

Tags