fbpx
  • Seu carrinho está vazio.
HomeGiro pelo MundoDicasRoma: diquinhas de onde comer

Roma: diquinhas de onde comer

Roma: diquinhas de onde comer

Mercadão, Michelin, food hall: a cena gastronômica da capital italiana está bombando!

Por Leticia Rocha

Você sabia que a Viajar tem grupos gratuitos no WhatsApp e Telegram com dicas, serviços e muitas promoções de destinos no Brasil e no Mundo?
Faça parte desse grupo e comece a planejar a sua próxima viagem!

Entrar no grupo Telegram! Entrar no grupo WhatsApp!

A Termini, estação principal, ganhou recentemente o Mercato Centrale, um complexo moderno que compila um especialista de cada setor para compor os seus boxes, como café, pizza, massas frescas, sorvete, embutidos, vinhos… Outra boa aventura que reúne muita coisa em um só lugar é o Eataly, o famoso mercado italiano que já aportou em terras brasileiras. Entre os seus corredores , há livraria, cervejaria, adega, fabricação de muçarela ao vivo, doceria, padaria e restaurantes variados.

 

Mercato Centrale (foto: divulgação)

 

Para quem prefere o estilo “mercadão” público, entre as sugestões estão Trionfale e Rionale, ambos nas proximidades do Vaticano, aonde os moradores vão diariamente para comprar frutas, verduras, queijos e embutidos. O Nuovo Mercato Esquilino, na Piazza Vittorio Emanuele, acabou por virar um lugar para encontrar ingredientes étnicos e sabores do mundo. Saiba mais sobre os mercados aqui!

No Guia Michelin, Roma tem 19 casas estreladas. E tem opção para todos os bolsos e estilos: o despojado Bistrot 64 tem menu degustação incluindo cinco pratos. O Imàgo, instalado no luxuoso hotel cinco estrelas Hassler, tem preços que começam  com € 140, por sete etapas. O La Pergola, o mais estrelado deles e comandado pelo alemão Heinz Beck, sai por € 245, sendo uma refeição de dez passos.

 

Leia mais sobre a Itália:

Roteiro de 4 dias em Roma

Roma: 10 passeios diferentes

Roteiro pela região de Emilia-Romagna: Bolonha, Parma e Modena

Conheça o Fico, complexo gastronômico do Eataly em Bolonha

O que fazer nas Dolomitas

Onde provar o típico aceto balsâmico

Como dirigir na Itália

 

Que tal transformar o seu cartão de crédito em uma verdadeira fábrica de milhas?
Se você gasta pelo menos R$ 3.000,00 por mês no cartão de crédito e não consegue emitir um bilhete por ano para os EUA com as suas milhas acumuladas, acredite, você não sabe usar o cartão de crédito a seu favor.
Quero te convidar a se tornar especialista no assunto. Aprenda a viajar de graça, entrar em salas vips ao redor do mundo sem pagar nada e fabricar milhas com o nosso time de especialistas. Chegou a hora de você virar o jogo e parar de dar dinheiro aos bancos.

Saiba como viajar de graça e sem enrolação!