fbpx
  • Seu carrinho está vazio.
HomeGiro pelo MundoConheça o Fico, complexo gastronômico do Eataly em Bolonha, na Itália

Conheça o Fico, complexo gastronômico do Eataly em Bolonha, na Itália

Conheça o Fico, complexo gastronômico do Eataly em Bolonha, na Itália

Em Bolonha, o Fico Eataly World é a nova tentação para os “foodies”: são dezenas de lojas, livraria, restaurantes, cursos e muita comilança!

Por Thelma Lavagnoli

Você sabia que a Viajar tem grupos gratuitos no WhatsApp e Telegram com dicas, serviços e muitas promoções de destinos no Brasil e no Mundo?
Faça parte desse grupo e comece a planejar a sua próxima viagem!

Entrar no grupo Telegram! Entrar no grupo WhatsApp!

A poucos minutos do centro de Bolonha, o Fico Eataly World já é uma das paradas favoritas de qualquer viajante amante de vinhos e da boa mesa. Aberto há poucos meses, o parque com temática gastronômica tem o tamanho equivalente a dez campos de futebol. Seu nome significa Fabbrica Italiana Contadina, em inglês, Italian Farmer Factory.

Vá com tempo para perder-se entre as prateleiras de azeites, vinhos e queijos, e ainda aprender a fazer massa como a da nonna e, claro, comer muito bem! A seguir, algumas dicas certeiras para aproveitar ao máximo a visita.

 

Em um guichê na entrada, faça um cadastro rápido para alugar sua bicicleta com direito a cestinha para compras (foto: divulgação)

 

Onde comer no Fico Eataly

São mais de 40 lugares para comer, entre restaurantes, quiosques e bistrôs. Tem baguete de presunto parma e muçarela de búfala por € 6,50 no Renzini. O spaghetti al pomodoro com manjericão fresquinho do La Devozione sai por € 7. As pizzas do Rossopomodoro também são de encher os olhos, assim como os pratos com trufas do I Tartufi – mas aí os preços já ficam acima dos € 20.

 

Rossopomodoro – Pizzeria Napoletano (foto: Shutterstock)

 

Cursos 

São mais de 20 cursos e workshops sob a batuta de profissionais e cozinheiros experientes. O preço médio de cada um é € 20, com duração de uma hora. Se a ideia é colocar a mão na massa, o The Making of Gragnano Pasta está entre os mais disputados. Reserve antes pelo site porque esgota rápido. Há também aulas para fazer pães, aprender sobre vinhos ou cervejas, participar da produção de queijos e receber dicas de como fotografar comida. Até as crianças se divertem ali com a experiência de “caça às trufas”: com olhinhos atentos, elas observam cães farejarem e encontrarem o ingrediente em uma área determinada no próprio Fico.

 

O curso para fazer massas está entre os mais disputados (foto: divulgação)

 

Mostras

São seis espaços expositivos, todos com vibe tecnológica. São joguinhos interativos, telas touch, vídeos e estruturas dinâmicas para explicar a relação do homem com a natureza e a produção de alimentos. Ingresso a partir de € 10.

 

Compras

Bolonha é o berço do queijo parmesão, do vinagre balsâmico e de outros produtos bem conhecidos. O visitante pode comprar pesto de € 2, a partir de uns € 10, a saborosa nocciola (a Nutella italiana) por € 5, além, é claro, de trufas e outras delícias que passam fácil dos três dígitos. Apetrechos diferentes para cozinha e uma livraria com vários títulos dedicados à culinária completam o espaço.

 

É possível alugar bikes para fazer compras no Fico (foto: Thelma Lavagnoli)

 

Serviço

Via Paolo Canali, 8, Bolonha, Itália.
Entrada grátis, saiba mais aqui!

 

Pesquise hotéis em Bolonha aqui! 

 

Leia mais sobre a Itália:

Roteiro pela região de Emilia-Romagna, na Itália

Roteiro gastronômico e cultural em Bolonha, na Itália

O que fazer em Modena, na Itália

 

Que tal transformar o seu cartão de crédito em uma verdadeira fábrica de milhas?
Se você gasta pelo menos R$ 3.000,00 por mês no cartão de crédito e não consegue emitir um bilhete por ano para os EUA com as suas milhas acumuladas, acredite, você não sabe usar o cartão de crédito a seu favor.
Quero te convidar a se tornar especialista no assunto. Aprenda a viajar de graça, entrar em salas vips ao redor do mundo sem pagar nada e fabricar milhas com o nosso time de especialistas. Chegou a hora de você virar o jogo e parar de dar dinheiro aos bancos.

Saiba como viajar de graça e sem enrolação!