HomeGiro pelo MundoDicasViajar na Estrada: Hyundai Creta

Viajar na Estrada: Hyundai Creta

Viajar na Estrada: Hyundai Creta

Testamos o Hyundai Creta em uma viagem para o interior de São Paulo. Um dos pontos fortes do carro é seu alto desempenho sem ser gastão, o que garante conforto e economia na hora de viajar! Confira!

Por Eduardo Campos

Não há como negar que os utilitários esportivos são o carro do momento. Prova disso é que os modelos dessa categoria transitam como desejo de consumo entre os mais variados públicos. Ele é o carro para levar os filhos à escola, para viajar com a família ou mesmo para motoristas solitários que, assim como os demais apreciadores, rendem-se ao design imponente que mescla a identidade de um carro urbano com a liberdade de um crossover.

De olho nessa tendência, as montadoras apostam suas fichas nas linhas de SUV. A cartada da Hyundai é o Creta, utilitário esportivo compacto que vem recheado de bons equipamentos e com preço competitivo.

Caímos na estrada dirigindo a versão Prestige 2.0, o modelo top de linha com 166 cv. Com capacidade para acomodar cinco passageiros de maneira confortável (pode considerar duas crianças com suas respectivas cadeirinhas), a versão tem porta-malas para 431 litros. Traduzindo esse número para a quantidade de bagagem, ele comportou bem quatro malas, sendo duas pequenas, uma média e uma grande. Ao reclinar os bancos de trás para ter mais espaço, o tamanho triplica e cabe até mesmo uma barraca.

Por ser um modelo 2.0, apesar de compacto e flex, ele é um clássico SUV – então sempre paira a angústia se é ou não um carro gastão. Ele fez uma média de 12 quilômetros por litro na gasolina, uma boa média, o que significa que com um tanque é possível ir de São Paulo até Belo Horizonte, por exemplo. Um detalhe que ajuda na economia é o sistema Stop & Go, que desliga o motor automaticamente assim que o carro para.

Pensando no conforto durante a viagem, o modelo Prestige é pomposo, com bancos de couro na cor marrom e detalhes desse mesmo material nas portas e no volante. Tem central multimídia com tela de sete polegadas e GPS (uma mão na roda para traçar a rota), chave presencial e piloto automático com controle no volante.

Merece atenção o sistema de ventilação. O ar-condicionado é automático e digital, com saída de ar para os bancos traseiros – até aí sem grandes novidades. O que diferencia são os ventiladores que injetam ar nos bancos do motorista e do passageiro. No assento e no encosto há furinhos por onde o ar passa, trazendo a sensação de frescor. Dirigir assim fica fácil!

Hyundai Creta
Preços a partir de R$ 76.350 (modelo 1.6 flex) e R$ 102.580 (Prestige 2.0)
hyundai.com.br 

Compartilhar: