HomeDestinosClima de romance mágico em Cartagena das Índias

Clima de romance mágico em Cartagena das Índias

Clima de romance mágico em Cartagena das Índias

Em alta, a cidade no norte da Colômbia mistura sensualidade caribenha a apelo histórico

Por Cristiane Sinatura

Foi paixão à primeira leitura quando o livro O Amor nos Tempos do Cólera caiu nas minhas mãos. E o mesmo aconteceu logo em seguida com Do Amor e Outros Demônios. Em comum entre as duas histórias, há o tom de romance (mas não necessariamente aquele fácil e bonito), o autor (o colombiano Gabriel García Márquez) e o cenário… Foi assim, pelos livros de Gabo, que “conheci” Cartagena das Índias, no litoral norte da Colômbia.

Quando finalmente visitei a cidade, foi como mergulhar em um conto de realismo mágico, o gênero no qual García Márquez se consagrou mundialmente, adicionando toques fantásticos a suas histórias. Não sei se a sensação de “fantasia” veio por causa das muralhas do século 16, dos sobrados coloridos com varandas de madeira, das flores nas paredes, das estreitas ruas de pedra ou ainda da lembrança de que as cálidas águas do Caribe estavam logo ali, a lamber a costa.

Mas eu não sou a primeira, nem serei a última, a ter um caso de amor com Cartagena, essa sedutora por natureza. Ela não é de se prender a um único amante. Muita gente de alta estirpe, como Bill Clinton, Mel Gibson, Julio Iglesias e Shakira, também já se deixou seduzir por sua pegada meio latin lover, meio romântica. Cartagena, afinal, nos inebria.

  • A reportagem completa está disponível na edição 79 da revista Viajar Pelo Mundo.
Compartilhar: