HomeGiro pelo MundoDicas4 sugestões de passeios para curtir Dubai

4 sugestões de passeios para curtir Dubai

4 sugestões de passeios para curtir Dubai

Mirante nas alturas, safári no deserto, refeições típicas e presentes ultrafinos para colocar na sua lista de viagem

Por Redação

Food truck e 4×4

“O Salt (find-salt.com) é um food truck em Kite Beach que tem uns hambúrgueres deliciosos, muito frequentado por locais. Para um café da manhã ou um brunch bem tranquilo e perto da praia em Jumeirah, sugiro o Lime Tree Café (thelimetreecafe.com). O safári no deserto também é imperdível – uma aventura em veículo 4×4 pelas dunas de areia, em que se pode observar um lindo pôr do sol, além de provar comida local, andar de camelo e assistir a espetáculos de dança. Caso queira estender um pouco essa aventura, sugiro pernoitar no Al Maha (al-maha.com), um hotel estilo acampamento de luxo.”

Eduardo Bastos, diretor de alimentos e bebidas do hotel Copacabana Palace, morou em Dubai por um ano

 

Burj Khalifa (Foto: shutterstock.com)

Burj Khalifa (Foto: shutterstock.com)

Ponto de vista

“Para entender Dubai, vê-la de cima é uma boa. Para isso, o Burj Khalifa conta com o observatório mais alto do mundo (bit.ly/mirante-dubai), localizado nos andares 125 e 148, com 555 metros de altura. Mas nada supera a vista que se tem durante o pulo de paraquedas (skydivedubai.ae) sobre a famosa ilha The Palm. Outro icônico arranha-céu, o Burj Al Arab, também tem novidade: o bar Gold on 27 (goldon27.com), um ótimo jeito de conhecer o único hotel sete estrelas do mundo sem ser hóspede – é só fazer a reserva pelo site ou app.”

Nathalia Pacheco, supervisora de produtos exóticos da CVC

Suvenir de xeque

“Sugiro pegar um abra (táxi aquático) e cruzar os souks, tradicionais mercados de roupas e especiarias. Algo bacana de trazer para casa são as shahminas, primas nobres das populares pashminas, feitas em lã 100% pura de carneiros jovens. As autênticas podem custar até US$ 1 mil – devem ser tão finas que passem inteiras através de um anel e ter apenas cores naturais, como branco ou castanho-claro. Após visitar esses souks, ao entardecer, entre em um dos inúmeros dhows, barcos de madeira com jantar e show a bordo.”

Ricardo Ferreira, sócio-diretor da Alatur JTB

Mercury Lounge, no Four Seasons (Foto: divulgação)

Mercury Lounge, no Four Seasons (Foto: divulgação)

Por dentro da cultura

“Almoce no Sheikh Mohammed Centre for Cultural Understanding (cultures.ae). O anfitrião é sempre um emirati (nativo de Dubai), que responde a todas as nossas perguntas durante uma refeição de pratos típicos. É muito interessante aprender sobre a cultura beduína com um local. Para quem quer comprar joias, uma alternativa ao movimentado Gold Souk é o Gold and Diamond Park (goldanddiamondpark.com). Para fechar o dia, aproveite o pôr do sol no Mercury Lounge, no topo do hotel Four Seasons, com vistas da praia e do skyline.”

Mariana Sousa, diretora de relações públicas do hotel Four Seasons Dubai

 

 

Compartilhar: