fbpx
  • Seu carrinho está vazio.
HomeGiro pelo MundoDicas4 boas vinícolas para incluir no roteiro

4 boas vinícolas para incluir no roteiro

4 boas vinícolas para incluir no roteiro

Um brinde à sua viagem: você nem precisa ser um fanático por vinhos para curtir os diversos passeios que estas vinícolas oferecem.

Por Paulo Mancha D'Amaro

Quer ter acesso, em primeira mão, a dicas e curiosidades sobre destinos no Brasil e ao redor do mundo?
Entre para o nosso grupo no WhatsApp ou Telegram e fique por dentro de tudo!

Entrar no grupo Telegram! Entrar no grupo WhatsApp!

Elderton Wines
Barossa Valley, Austrália
No Vale de Barossa, a 85 quilômetros de Adelaide, a Elderton é uma vinícola familiar fundada em 1894 por imigrantes alemães. A revista especializada Wine & Spirits a incluiu no rol das 100 Melhores do Mundo, graças a seu vinho da uva Shiraz. A visita inclui degustações e passeios pelas colinas repletas de uvas. Quem quiser pode se hospedar no Elderton Lodge – uma pousadinha charmosa no meio dos parreirais.
Degustação: a partir de 100 dólares australianos.
eldertonwines.com.au

Família Zuccardi
Mendoza, Argentina
Uma das maiores vinícolas de Mendoza tem um complexo de recepção a visitantes que engloba não apenas os vinhedos e a linha de produção como também restaurante, centro de degustação e loja. Dá para fazer desde passeios de quadriciclo até sobrevoos de balão sobre as plantações. Imperdível é o vinho Zuccardi Zeta.
Degustação: a partir de 35 pesos argentinos.
familiazuccardi.com

Viu Manent
Valle de Colchagua, Chile
A Viu Manent tem vinhedos cultivados desde 1860. Suas construções datam de 1900 e a cave, com 4.600 garrafas, virou uma das grandes atrações do Valle de Colchagua. Não bastassem os passeios em charretes com guias bilíngues, a vinícola oferece degustações, inclusive de seu tinto da uva Carmenere.
Tour de charrete e degustação de cinco rótulos: 16 mil pesos chilenos
viumanent.cl

Viu Manent | foto: divlugação

Maison Michel Picard
Borgonha, França
Esta vinícola, localizada no Château de Chassagne-Montrachet, tornou-se uma das mais visitadas da Europa. Seus + Adicionar nova categoria tintos à base de Pinot Noir são premiados internacionalmente, mas ela arrebanha turistas também graças a seu hotel-butique em meio aos vinhedos e seu belo museu. No seu interior há uma adega do século 14, onde as degustações são
realizadas. No restaurante, os pratos harmonizam com rótulos da casa. Não deixe de comprar o Bourgogne Pinot Noir.
Degustação: a partir de € 40.
michelpicard.com

Você já pensou em acumular milhas aéreas suficientes para fazer uma viagem internacional por ano? Aguardar seus voos em qualquer lugar do mundo dentro de uma sala VIP? Ter seguros e proteções no dia a dia a nas viagens? Se você quer ser um viajante profissional, não perca esses dois e-books que a Viajar Pelo Mundo, em parceria com o site Falando de Viagem, prepararam. Chega de pagar por aquilo que você tem direito, está na hora de você conhecer todos os benefícios do seu cartão!

Clique aqui e aproveite!